Sigam-me os bons!!!!!

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Posso com isso?! - Parte XXII

Infelizmente a saga do 'Posso com isso?!' dessa vez não tem nada de engraçado...

Recebi um comunicado na agenda da escola do Gui que me deixou completamente arrasada. Sério. A professora contou que ele tem empurrado/batido em seus coleguinhas, e que logo em seguida ele os enche de beijos.

Ploftttttttttt. Coração partiu na hora.

Fiquei meio zonza com a notícia, pensando no porque disso tudo. Não é fácil escutar que o seu filho tem batido nos colegas da escola. Imediatamente fui conversar com ele e expliquei que ele não pode bater nos seus amiguinhos, e tentei puxar um diálogo com ele, o problema é que ele não fala quase nada. Então ele só falava no 'Mãããe, o au au Tlói(troy-cachorro da minha irmã) ele mamããe!' e eu perguntei: 'O que tem o Troy nessa história, Gui?' e ele: 'o Tlói pulô na cola( o Troy empurrou na escola) ...

"Se a culpa é dele...ELE PÕE EM QUEM QUISER!!!" E ele colocou no cachorro!??

Em casa eu e papai temos conversado bastante com ele e na escola, a professora também. Segundo ela, isso é normal ainda mais que ele está em adaptação, seus coleguinhas de turma já completaram 3 anos e muitas vezes ele por não saber se comunicar como os outros, acaba se expressando dessa forma. Eu já havia comentado por aqui que ele estava bem birrento e que muitas vezes vinha em minha direção para bater quando não conseguia falar ou ser compreendido. Apesar do seu vocabulário ter aumentado muuuuuuito após começar na escola, ele ainda não consegue formar frases direito e apesar do estímulo que damos, ele fica extremamente irritado.

Todo mundo tem me falado que isso é 'normal' e que é uma fase e que logo passará. A professora inclusive me contou que o novo amiguinho tem batido em geral e sai varrendo todo mundo. Bem, alguns podem pensar que ele tem batido para se defender. É, poderia ser agora, mas ele começou com esse comportamento uma semana antes do tal coleguinha chegar. Hunf.

Estou tentando levar na boa, apesar de ficar super mal com isso. Porran, meu filho está batendo em outras crianças.

Agora porque ele bate se depois os enche de beijo????? Oi oi oi????

Será? Alguém já passou por isso, ou tem dicas????


arrasadannnnn




quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Posso com isso?!! - Parte XXI

Vieram me contar na escola que o Gui é sempre muito carinhoso com seus amigos, mas que ficou encantado com a nova coleguinha que está em adaptação na turma dele. A enche de beijos na bochecha e abraços.

Ela também retribui.

Só que esse ogrinho também é muito chicletinho então... quer abraçá-la o tempo todo.

E ela fica de saco cheio.

Gente, eu posso com isso?!!

hahahahahahahaha

A criança não fala quase nada, mas já aprendeu o nome da mais nova colega. #quelindo

Eu ainda não vi quem é a tal 'Bela' (Isabela), pois ela fica em horário integral então não tem como a ver. Mas hoje entramos na página da escola no facebook e eu ia passando as fotos do dia do soldado e ele ia falando o nome dos amiguinhos e quando passou a foto da 'Bela' ele mandou assim:

- 'Pala mamãe, a Bela da cola.' = Para mamãe, a Isabela da escola.'

e ficou numa felicidade gente!!!!! e detalhe... FICOU TODO VERMELHINHO!!!

Perguntei se essa era a amiguinha nova e ele: 'É!'; se ela era legal e ele: 'É!'

Depois perguntei se ele também abraçava os outros. E ele: 'Sim!' e se também eram legais e ele: 'Sim!'

vai, é fofo né?

#sóquenãoétãofofoassim
#assuntoparaoutrapostagem!!!!


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

dia do soldado!

Sexta passada quando fui buscá-lo na escola ele estava 'fantasiado' de marinheiro! Coisamarlindadamamãe. Eles estavam comemorando o dia do Soldado(25 de agosto). 


jeito Guilherme de ser!

ele e o escorregador...

que sorriso verdadeiro, ô!
Fofo demais, né?

levantamento "Amamentação e saúde dos dentes do lactente"




Meu povo!!! 
Vai começar uma nova ação via mídias sociais, o levantamento "Amamentação e saúde dos dentes do lactente". Se você ainda amamenta uma criança que já tem dentinhos, ou já amamentou PARTICIPE também!!!

Melania Amorim, Lígia Moreiras Sena, Karina Falsarella dos Santos e Andreia Stankiewicz produrizão um documento baseado em evidências.

 Espalhe pela rede, blogue, mande por e-mail!!



Para participar, clique AQUI!!!

terça-feira, 28 de agosto de 2012

pagando a língua - Parte V

Senti tive pavor do grupo Hi-5! É isso mesmo. Acho completamente sem graça, a voz deles e a dublagem me dá nos nervos. E logo eu que me amarro num programa 'mongol'. Mas não conseguia curtir muito esse troço. Mas ó, isso na época que meu primo que hoje está com quase 6 anos...

Quando aos poucos fui liberando a tv para o Gui, sem querer ele assistiu Hi-5. Não deu bola. Ufa. Me dei bem!

Mas outro dia brincando na casa de um amiguinho ele assistiu um dvd do grupo e como foram vários episódios... A CRIANÇA GOSTOU.

E COMO ELE GOSTOU!!!!

Então eu, A OTÁRIA... comprei 2 dvd´s do Hi-5!!!!!!!! (um?nãooooo!!!!dois!!)

Agora, eu não consigo entender o pq de ter feito isso!!!! Pra que minha gente????

Ainda não gosto deles mas...

VIVO CANTANDO E O PIOR... IMITANDO A COREOGRAFIA!!!!!!!!


#PAGANDOALÍNGUAMODEON

Gui e suas artes!


Que ele é um arteiro de marca maior quem acompanha o blog já está careca de saber. E encontrei a arte na tela como forma de deixá-lo um pouco mais centrado e tranquilo. Até porque néam... ninguém aguenta um mini furacão o dia todo!!

Tenho comprado telas de diferentes tamanhos. Anoto a data após o término e as penduro em seu quarto.

Ele fica TODO ORGULHOSO.

Tem recebido altos elogios então... tenho presenteado algumas pessoas com sua arte. 

dessa vez foi na varanda... com sol e tudo!

duas logo de uma vez hahaha

empolgadíssimo, 3 telas hahaha

claro, tem que se sujar! qual a graça de ficar limpinho???

com a ajuda da mãe


quis mais e foi buscar a kombi. oi?!


Suas obras penduradas na parede!

Lindo, né?

domingo, 26 de agosto de 2012

nem um tchau?!

Comassim meu povo!!!!!

Gui completou seu 15º dia na escola e está supermegaultrablasterpower adaptado. Uhul, fico feliz pra caramba. Tem me dado tchau e seguido seu caminho numa boa.

Ótimo para nós dois, certo? Daqui a pouco ele ficará no horário integral e quanto mais ele curtir ficar lá, a mamãe aqui poderá trabalhar tranquila.

Já parou com o choramingo ao entrar na escola. Bom, né? Ma-ra-vi-lha!

Já me deu até um tchau estilo 'Rala peito mãe, zarpa fora daqui!'

Estou satisfeita com sua adaptação.

Mas na sexta passada, viemos cantando músicas de capoeira já que ele teria aula e ele super empolgado me imitando à caminho da escola e chegou animadão lá.

Entrou.

E ...

NEM ME DEU UM TCHAU??!!!!!!!!

Ou uma piscadinha de leve. Um sorrisinho de que está tudo legal eu posso ir tranquila....

NADA.

Então tá! 

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

com L!

Como fiquei 3 meses e meio sem nosso notebook, quando a inspiração não vinha ao ficar cara a cara com um computador, acabei anotando algumas coisas que vinham do nada em qualquer pedaço de papel que dava sopa. Lógico que perdi alguns. Ai passei a anotar no celular. E perdi o celular. #Sefodeae Mas achei um caderninho aqui com uma anotação.

Bem, o Gui ainda continua falando beeeem pouquinho ainda. Mas o pooooooouco que fala é muito engraçado. A letra L está em alta por aqui. Seria ele o cebolinha da turma da mônica????

Pala mamãe! = Para mamãe! (quando não quer tomar banho hahaha)
Pale, oli, ôça = Pare, olhe, ouça (Hi-5)
Cole papai! = Corre papai!
hum alôix! = hum arroz! (é, ele gosta da minha comida)
o pilu do Gui = o piru do Gui
a pelelé da mamãe = a perereca da mamãe (mais heim)
o tlêim = o trêm
tleix = três
equi luim = eca ruim
Tchitchi Mali = Titia Mari (minha irmã)

Pale com a foto! ahahahaha
:)

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Causos da escola - Parte II

Sexta fui dar aquela mudada básica no visual enquanto o Gui estava na escola. Quase me atrasei por causa do trânsito, cheguei em cima do laço.

Pela primeira vez ele não pediu mamico ao me ver. Tranquilo. As peitolas até estava bem cheias, mas nem ofereci. Ele estava tão feliz brincando.

E cadê que a criança queria ir embora????? Ok. Ficaremos mais uns minutinhos então.

Os coleguinhas da turma dele foram embora, chegaram outros e ele lá brincando no escorregador amarradão.

Bati altos papos com as profissionais que tomavam conta das crianças e do nada ele veio mamicar.

Mamicou feroz os dois peitos e voltou a brincar.

Uns 20 minutos depois o vejo com algo meio branco no canto da boca e vou lá ver que porréssa.
Quando me aproximei vi que ele estava com a camisa, short e tenis sujos.

Fui logo dando uma cafungada e senti aquele cheiro de azêdo... e advinhem!!!!! Ele deu uma bela de uma golfada!!!!! Juro.

Imediatamente eu o limpei com minha mão e o MEU CASACO. #aporca E quando corri para buscar o lenço umedecido ele aproveitou e desceu pelo escorregador ...

e quando virou de costas... seu short estava sujo na bunda.

Seguinte: ele golfou instantes antes de subir no escorrega, se sujou e também a rampa hahahaha como não tinha visto, só o limpei. Ele 'escorregou' e terminou de sujar ahhahaha

A mãe aqui limpou tudo e ainda ficamos mais 40 minutos na escola e ele lá brincando com os mais 'velhos'.

Fim :)

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

sono todo errado!!!!

Era um sonho??

Hãm? Será que era um desejo profundo? Estava muito bom para ser verdade. Porran!!!!

Na semana de adaptação na escola, consegui colocar em prática uma rotina que deu certo, fazendo com que ele sentisse soninho antes de 23h. Ohhhhhh. Um milagre, néam???

Pois é. Só que nessa primeira semana, ele saía cedo da escola e capotava ao chegar em casa. Acordava umas 17h e sentia sono logo.

O período de adaptação acabou, ele tem saído todo dia 17h e automaticamente dorme no trajeto para casa.
olha o estado da criança!

Eu não tenho coragem de acordá-lo. Na boa, acho o ó quando me acordam. O que tem ocorrido durante esses 2 anos e 3 meses mas abafa!!!!

Sem brincadeira, ele capota. Nada acorda o bichin. E depois de 2h ele levanta num bode... e mesmo ele estando pronto para dormir as 22h, ele luta, se estressa e ME estressa tanto que só se entrega la por volta de 1h da madruga. Eu tenho tido dores de cabeça constantes. Não aguento mais. Chega a noite, pronto. Já começa a latejar tudo. Preciso dormir também!!!

Hoje por exemplo, acordei 8h e ele nem sinal ... 9h ele apenas trocou de posição. Mas quando deu 10h eu o acordei e está aqui num mau humor ferrenho. Ah, nisso eu me gabo, ele puxou a mim hahahahha

Sério gentem, o que eu faço?????

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

tchau mamãe!

É, aconteceu! 

Em seu 13º dia, apesar de ter dado um mini show ao entrar na escola, após ficar mais calmo avistou uma coleguinha indo em direção a sala da turma e foi atrás. Entreguei a sua mochila e dei tchau. 

Ele olhou para trás e ME DEU UM TCHAU  também!!!
TODOS COMEMORAM!!!

Sei que tem mãe que fica arrasadan com isso. Mas EU não! O que eu mais quero é vê-lo feliz nas 4 horas que fica sem a mamãe aqui. Como é que ficarei tranquila sem esse tchau?

Ainnnn, fiquei muito feliz!

Olha lá como ele não está nem aí para mim!


o mais pirralho entre os pirralhos!

:)

terça-feira, 14 de agosto de 2012

o desfralde - Parte VIII

Então minha gente, por aqui esse processo do desfralde está bem legal, já tem mais de um mês que não compro fraldas! Em casa ele praticamente não usa mais, não quer usar de jeito nenhum e só acabo colocando nele quando faço um passeio onde não tem acesso fácil para um pit stop.

Nos 10 dias na escolinha sem fralda, apenas uma vez rolou uma escapulida de xixi. Não deve ter lembrado de avisar. Ele tem avisado sempre e na maioria das vezes eu nem preciso perguntar se ele quer fazer.

E tem feito também o cocô no penico direto. Mas o xixi ele gosta mesmo é de fazer em pé no vaso, ou no box hahahaha.

Gosta muito de ficar peladão, e é uma luta conseguir deixá-lo com a cueca ou short. Quando consigo colocar ele inventa que quer fazer xixi, ai tira tudo e vai até o banheiro. Eu vou atrás dele né e ele não faz nada, dá a descarga, diz tchau para o xixi e sai correndo e eu atrás tentando colocar a roupa no peladão.

Rolou umas escapulidas na cama, mas a criança se encheu de mate e mesmo tendo feito mil vezes xixi, acabou fazendo na cama por volta de 5h da manhã e foi chorando para a minha cama todo mijado, tadinho!!!!

Sério, que por mim ele ainda dormiria de fralda, mas preciso de quase 3 pessoas para conseguir colocar. Ok. Exagerei, mas é quase isso.

ainnnnn, cuequinnnnnhas!!!





domingo, 12 de agosto de 2012

e ele foi para a escola - Parte II

2 ª semana - agora é a vera!!

6º dia

Chorou bastante ao entrar na escola, a professora o pegou no colo e logo parou. Fui embora com a cara e a coragem e só voltei depois de 4 horas.

ME SENTI TÃO LIVRE HAHAHAHA

Quando cheguei ele veio correndo querendo mamico. A 'prof' veio falar comigo que ele ficou bem tranquilo e só chorou mesmo quando chegou. Que bom, já sei que o problema dele é a mãe hahahaha

7º dia

Também chorou ao chegar na escola, mas assim como no dia anterior, logo parou. Cheguei uns 10 minutos antes do horário da saída e escutei uma gargalhada tão gostosa que fui logo bisbilhotar e faro de mãe não era, era ele brincando todo feliz com seus coleguinhas no parquinho. Alívio!

Quando finalmente me viu, desceu o escorregador e veio todo esfomeado e já foi logo tentando tirar minha blusa com seu jeito OgRo de ser querendo mamico.

Nesse momento soube que uma nova amiguinha veio do berçário e está em adaptação, e ele, carinhoso toda vida encheu a coleguinha de abraço e beijo na bochecha. Ela retribuiu. Ain, que fofo.

Na primeira semana ele abraçou deus e o mundo e nem todo mundo retribuiu! Mas ele é insistente hahaha

8º dia

"Só para variar", ele chorou assim que chegou na escola e também logo parou. Quando cheguei para buscá-lo, sua turminha ainda estava em sala, e uma 'tiazinha' me falou que ele tentou fugir para o parquinho umas 4x. A criança já querendo matar aula, posso com isso?! Muito meu filho!

Mas fora isso, ele ficou bastante empolgado brincando com as tintas preparando a tela de presente para o papai.

9º dia

Já nem choramingou ao entrar, foi logo para a sua sala numa boa com a professora. Meus pais vieram buscá-lo comigo e vocês nem imaginam a felicidade da criança ao vê-los!!!!!!

Reparei que a testa dele estava com um pequeno ralado e fui perguntar a professora o que tinha acontecido, ela explicou que ele estava correndo em sala e um coleguinha jogou um brinquedo para o alto E sem querer bateu na testa do Gui. Elas passaram gelo e enfim, aconteceu.

Estava tudo anotado na agenda. Ao chegar em casa já coloquei a Arnica na necesseire dele. Néam!

10º dia

Ah, sexta feira é dia de capoeira mané!! Esqueci de registrar ele com o uniforme da capoeira, uma coisa linda!!!!!

O pai também foi levá-lo à escola e juro, foi o dia mais tranquilo. Ele simplesmente ficou brincando e nem se ligou que nós estávamos indo embora.

Deu para dar aquela curtida básica com o papai! Néam! hahahaha

Cheguei para buscá-lo ele não parava de falar na tal da 'Bela' sua nova amiguinha!

Fim!


terça-feira, 7 de agosto de 2012

Causos da escola - Parte I

Assim que teminou o período de adaptação no quarto dia de escolinha, eu o esperava no pátio. Ele veio correndo direto para o meu colo doidinho para um mamico #etinhalanchadojá. Avistei uma cadeira dando sopa e sentei para amamentá-lo.


Haviam crianças do maternal II (3, 4 anos ) que brincavam pertinho de nós. Assim que perceberam nossa presença, vieram imediatamente observar o que ele estava fazendo. Formaram uma rodinha em volta da gente e ali permaneceram.

E me metralharam com perguntas!!!
" ele mama?"
" ué, sai leite?"
" posso ver o leite?"
" porque ele ainda mama?"
" ele gosta?"

Foi hilário, quase meeeejay!

Assim que acabou de mamicar ele entrou em seu carrinho e nos em direção ao portão de saída e fomos interrompidos por 3 menininhas do maternal II.

"ô Guií, mama aqui!" e as três levantaram a blusa!!!!

confesso que ri super internamente! ah, como ri!

E disse que quando elas chegarem na idade adulta, elas poderão dar o 'mamá' para o filho delas.

Posso com isso???



segunda-feira, 6 de agosto de 2012

e ele foi para a escola... Parte I

1º dia 

Tivemos um dia tranquilo em casa e após um banho divertido, consegui arrumá-lo numa boa para seu primeiro dia de adaptação. Assim que entrou na escola, ele só quis saber de brincar no parquinho. Saiu abraçando todo mundo. As crianças mais velhas ficaram encantadas com ele. Querendo levar a mochila dele até a sala... ele saiu entrando na sala de aula dos outros, e deu um abraço num menino de 4 anos muito fofo, só que esse menino é bem gordinho. E o Gui tem a mania de botar a mão na barriga dele e na minha e falar:"Hum, Bolo!", não sei se a intenção dele é me alertar que estou barriguda, pode ser, sei lá hahhaah, mas ele fez isso com o tal coleguinha e o menino ficou muito boladinho, dizendo que não tinha comido bolo nenhum!! Posso com isso?

 E então fomos para sala da turminha dele.

Só quis meu colo e mamico. Não dei. Deu uma resmungada braba. Pedi para ele voltar para a sala.

A professora o chamava para as atividades, mas ele dizia um Não bem emburrado. E vinha correndo em minha direção reclamando hahahaha.

Como tem ficado sem fralda o dia todo em casa, já foi para lá só com a cueca(ainnnn) por baixo do short e quando sentiu vontade avisou, a 'tia' foi levá-lo, mas ele só me quis.

Chegou a hora do lanchinho e todos seus amiguinhos sentados tranquilamente e pensei, hunf, ahãm Cláudia, senta lá que ele vai sentar hahahaha e não é que ele ficou lá suuuuuuper bem. Adorei!

Começou a ficar mais a vontade e interagiu mais. Ficou suuuper bem e deu a hora de irmos embora. E fomos numa boa.

2º dia


Como no primeiro, ele chegou bem humorado e falando com todo mundo, entrou nas salas dos 'maiores', abraçou e foi abraçado pelas crianças, funcionárias... uma festa.

E até a hora do lanche ele só insistia em pedir meu colo, e mamico. Sério, nem era fome pois ele tinha almoçado bastante, estava inseguro com toda novidade.

Lanchou numa boa, interagiu com os coleguinhas e na atividade seguinte ele se soltou e ficou bem, sem me solicitar o tempo todo.

Tirou o short e ficou somente de cueca. Quando todos olharam para ele, abaixou a cueca e ficou como veio ao mundo. Sério, foi hilário. Avisou que queria fazer xixi e deixou a 'tiazinha' lá levá-lo ao banheiro.

Rolou uma birra básica na hora de ir embora, pois queria brincar mais no parquinho.

E ao chegar em casa, cadê que eu consegui fazer com que ele tirasse o uniforme????

3º dia

Assim que chegamos na porta da escola ele abriu um berreiro. Tentei acalmá-lo antes de entrarmos. Fez xixi e sujou tudão. E ficou mais bolado ainda. Cadê que ele deixava eu arrumá-lo!!!! E corri atrás dele #super PELADÃO pela escola tentando colocar a roupa. Olha, como corre!!

Não queria nem por um c... ir para sua salinha. Depois de uns minutinhos conversando com ele , finalmente cedeu e ficou junto com os coleguinhas. E sai de fininho, pois o fato de está ali o tempo inteiro, acho que só atrapalhou.

Ele nem chorou. Ficou muito tranquilo. 20 minutos depois uma 'tia' me chamou dizendo que ele estava me querendo. Fui, mas ao chegar próxima da sala, vi que ele já tinha esquecido e voltei.

2 horas depois ele veio correndo todo feliz e fomos para casa.

4º dia


Chegamos mega atrasados na aula pois ele não queria de jeito nenhum colocar o uniforme. Queria ficar em casa. Rotina nova, ainda em fase de adaptação, só sei que foi um custo conseguir convencê-lo a sair de casa, logo ele todo rueiro.

E pela segunda vez ele fez birrinha para entrar na escola.

Quando acalmou, foi para a sala com a professora e dessa vez eu nem o acompanhei.

3 horas depois ele chegou todo feliz querendo mamico a todo custo.

Conversei rapidamente com a professora, e ela me contou que ele ficou bem, não chorou, pediu para fazer xixi, interagiu e deu vários abraços nos coleguinhas, enfim... deu tudo certo.

Ou seja, o problema sou EU! hahahaha

5º dia

Animadíssimo ao colocar o uniforme! Entrou rapidamente em seu carrinho e simbora para a 'Cola', ou melhor, escola!!!

Chegou numa boa, foi para a sala e lá ficou.

Pedi para dar um pulo na rua, pois fiquei lá a semana toda sem conseguir resolver nada direito. Me esbaldei gentem!!! Fiquei 2h na rua, resolvi tudo que precisava sem pressa. Tem noção que coisa boa!!!!

Quando cheguei, me falaram que ele estava morrendo de sono, mas quando começou a aula de capoeira, ele ficou super animado.

Fim. Essa foi a primeira semana de adaptação. Dedinho cruzado para que tudo dê certo na próxima semana.
coisamarlinda

Depois conto mais!

:)

domingo, 5 de agosto de 2012

encontro julhino

Postagem atrasilda!!!

Estava tão por fora da bloguesfera materna que esse encontro estilo festa julhina com direito a comidas típicas e muita conversa boa me fez um bem danado. 

Gui ficou encantado com as duas amiguinhas novas: Amanda filha da Silvia Azevedo do blog Uma pitada de cada coisa, e com a Luna, filha da Rose Misceno do blog Vida de Mãejestade. Deu vários beijos na Luna, pronto falei!!!

Rose (Vida de Mãejestade), Marcia (A mamãe chegou), Rogéria (Um espaço para chamar de meu), Mari (Diário de uma mãe polvo). Lu ( Vivendo e Aprendendo), eu e Silvia (Uma pitada de cada coisa)
Gui se esbaldou de tanto comer Milho! O Pedro, filho da Mari Hart depois me passou a conta de tanto que o Gui comeu milho, posso com isso??? hahahahahahhahahaha

A Lu levou seus cupcakes divinos!!!!
Papo bom demais!

Só sei que Rafael brincou tanto de bola com os filhos da Mari... pareciam da mesma idade hahahahahhahahhaa

quero mais heim!!!

sábado, 4 de agosto de 2012

Mais sobre a Marcha pela Humanização do Parto















Marcharemos em mais de 30 cidades!! Que vitória!!



Vamos à LUTA! Aqui na Cidade Maravilhosa nossa Marcha será no  Posto 9 - Praia de Ipanema às 14h (5/8)

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

o desfralde - Parte VII

Ele não quer ficar mais de fralda em casa. Tá, ok. Fica sem então.

O problema que ele não quer usar absolutamente nada em casa. Nenhum tipo de cueca, ou short. 

APENAS LIVRE LEVE E SOLTO!!!!

Tem feito seu xixi em doses homeopáticas para ter desculpa para ficar peladão E escutar o barulho da descarga!!!!!


Carta oficial de convocação à Marcha pela humanização do parto






***************
Carta Oficial de Convocação à MARCHA PELA HUMANIZAÇÃO DO PARTO

Prezados(as),
Como mulher, cidadã, mãe e gestante, a favor da Humanização da assistência ao parto no Brasil, indignada com as resoluções do Cremerj publicadas no dia 17 de julho deste ano de 2012: nº 265/12, que visa punir os médicos cariocas que prestarem assistência a partos domiciliares e também os que fizerem parte de equipes de retaguarda caso a mulher que opte por um parto domiciliar e necessite de remoção a um hospital. E a resolução nº 266/12 que proíbe a participação de “doulas, obstetrizes, parteiras etc” (conforme o texto original) em partos hospitalares.
Essas resoluções supracitadas, além de ferir o nosso direito de escolha sobre quem nos acompanhará e o local de nascimento de nossos filhos e serem opostas ao que recomenda a OMS, o Ministério da Saúde e as mais atualizadas evidências científicas, estamos organizando uma manifestação em repúdio a essas resoluções, a favor da Humanização do Parto e Nascimento e pela soberania da mulher sobre seus direitos sexuais e reprodutivos.
Convido aos cidadãos e cidadãs e instituições a participarem e apoiarem a MARCHA PELA HUMANIZAÇÃO DO PARTO.
A MARCHA PELA HUMANIZAÇÃO DO PARTO acontecerá no dia 05/08/2012, com concentração às 14 horas na Praia de Ipanema, altura do posto 9.
As bandeiras da MARCHA PELA HUMANIZAÇÃO DO PARTO são:

  • Que a Mulher tenha o direito de escolher como , com quem e onde deve parir;
  •  Pelo cumprimento da Lei 11.108, de abril de 2005. Que a mulher tenha preservado o direito ao acompanhante que ela desejar na sala de Parto; 
  •  Que a mulher possa ter o direito de acompanhamento de uma Doula em seu trabalho de parto e parto;
  •  Que a mulher, sendo gestante de baixo risco, tenha o direito de optar por um parto domiciliar planejado e seguro, com equipe médica em retaguarda caso necessite ou deseje assistência hospitalar durante o Trabalho de Parto;
  •  Que a mulher tenha o direito de se movimentar livremente para encontrar as posições mais apropriadas e confortáveis durante seu trabalho de parto e parto;
  •  Que a mulher possa ter acesso a metodos naturais de alívio de dor durante o trabalho de parto, que consistem em: massagens, banho quente, compressa, etc;
  •  Contra a Violência Obstétrica e intervenções desnecessárias que consistem em: comentários agressivos, direcionamento de puxos, exames de toque, episiotomia, litotomia, etc;
  •  Pela fiscalização das altas taxas de cesáreas nas maternidades brasileiras e que as ações cabíveis sejam tomadas no sentido de reduzir essas taxas;
  •  Pela Humanização da Assistência aos Recém-Nascidos, contra as intervenções de rotina;
  •  Que a mulher que optar pelo parto domiciliar tenha direito ao acompanhamento pediátrico caso deseje ou seja necessário.
As nossas bandeiras são respaldadas por evidências científicas e recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Federação Internacional de Ginecologia e Obstetricia (FIGO), Ministério da Saúde entre outras.
Chegou a hora de darmos um basta à mercantilização do parto e nascimento, não somos rebanho, não somos mercadoria, somos Humanos e temos o direito de receber nossos filhos cercados de amor, paz e, primordialmente, RESPEITO!
Contamos com seu apoio, divulgação e presença!
Instituições e pessoas interessadas em Apoiar a causa, por favor,comunicar ao email: 

Maria Antonieta Oliveira
MARCHA PELA HUMANIZAÇÃO DO PARTO
Organizadoras:
Maria Antonieta Oliveira  Contato: antonieta.oliv@gmail.com (21) 8416-2787
Ana Paula Kacurin  Contato: anapaulakacurin@gmail.com  (21) 8817-3993
Assessoria de Imprensa:
Ellen Paes  (21) 8724-3139
Apoiadoras na promoção e organização:
Ana Cordeiro
Rebeca Bricio
Thalita Dol Essinger
Roberta Calábria
Laura Morgado
*************